De pernas pro ar!

A nova coleção das meias Les Queues de Sardines, criadas pelos designers franceses Marion and Oliver, do M+O Design Studio, já chegou às estantes virtuais. São onze modelos incríveis, com ilustrações silkadas super coloridas e hypadas, feitas à mão. Elas não estão à venda no Brasil, mas dá pra comprar pela internet. Eu arrematei duas delas no site da Greenky. Demorou um pouco, maschegou. São lindas! Elas têm série limitada, então, se você ficou louca por uma delas, corre logo no site.

Anúncios

Porque voto em Milton Temer

Vou fugir um pouco das firulas e falar do candidato ao senado pelo Psol, o jornalista Milton Temer. Hoje saiu uma excelente entrevista com ele no jornal O Globo. Não deixem de ler!

Emenda individual é cala-boca do Legislativo (Entrevista do candidato ao senado, Milton Temer, publicada hoje no jornal O Globo)

Milton Temer nasceu em Vila Isabel, viveu cinco anos no exílio, foi correspondente internacional na América Latina e na África, exerceu  mandatos como deputado estadual e federal pelo PT e, descontente com as políticas do partido, saiu para fundar o Psol.

Como deputado, votou contra a emenda que deu aposentadoria especial ao parlamentares e coerente com seu discurso, quando seu voto foi vencido, Temer abriu mão dos vencimentos. Sua participação também foi fundamental no movimento, iniciado pelo Psol, que levou à cassação de Álvaro Lins. Eu voto em Milton Temer. Vote você também no 500.

Bokel, Peu e Alexandre Cavalcanti na galeria Vilaseca

Os artistas plásticos Antonio Bokel, Peu Mello e Alexandre Cavalcanti abrem amanhã a mostra In3venção, na Jaime Portas Vilaseca, Leblon, com um conceito bem inovador de exposição-instalação interativa. Os 3 artistas criaram juntos um mural em papel que vai ocupar todas as paredes da galeria, e quem quiser pode escolher o pedaço da obra que quer levar pra casa marcando com um lápis. “Vamos colocar molduras de diversos tamanhos para o espectador fazer uma máscara, tipo o cropdo Photoshop”, conta Bokel.  O mural ficará exposto um mês e, durante todo esse tempo, quem passar por lá pode marcar o seu pedacinho do mural. No final, um novo evento, desta vez com o mural vazado e as obras já emolduradas, fechará o ciclo. A gente se vê lá! Na Ataulfo de Paiva 1079, subsolo.

será esse o futuro?

Justin Kemp é um artista com um humor bastante ácido. E eu adoro isso.

Como ele, eu também amo a web.

Será que vamos acabar assim? Hope not!

design criativo

O Sinapsis é um estúdio de design argentino que só bola coisas legais. Os cabeças de lá, Pablo Matteoda, Javier Parra e Elias Krafczuk são movidos por doses de extrema criatividade e humor. Saca a gravata que os caras bolaram… Depois da After Office Tie, usar a indumentária ficou até divertido.

E tem mais. O Sinapsis, além de senso de humor, pensa no futuro da humanidade. De olho no desafio de manter as reservas de água do planeta, o trio bolou um guarda-chuva que filtra e armazena a água que cai do céu. Amei!

curtiu?

Que atire a primeira pedra quem não tiver uma gaveta entulhada com aqueles papéis que a gente guarda achando que um dia ler de novo. E atire a segunda quem não pirou depois tentando encontrar aquele texto sensacional que a gente jurava ter guardado na tal gaveta.

O pessoal do Nation Studio teve uma ideia ótima pra acabar com esse problema, daquelas que a gente fica se perguntando como ninguém pensou nela antes. Eles bolaram um carimbo igual ao “curtiu” ou “não curtiu” do Facebook. Assim, fica muito mais fácil garimpar seus docs sensacionais impressos em papel. O único senão é que o facebook button stamp só está à venda lá fora. Mas nada que impeça de encomendar um semelhante por aqui. Fica a inspiração!

nhac soba!

Conheço o chef Pedro de Artagão faz tempo, desde os tempos em que eu cobria a gastronomia do Glob-Barra e ele pilotava o Cordato, no Hotel Transamérica. Já nessa época eu dizia que ele tinha que abrir alguma coisa no Leblon ou em Ipanema. Ele saiu do Cordato e foi pro Laguiole, no MAM, onde está até hoje. Já tava até desistindo de ter uma mesinha dele por aqui. Tava, não tô mais. Não é que ele pintou na área com o Soba Noodle Bar! A especialidade, o nome já diz, são os yakisobas.

O Soba fica na meiuca do Baixo Leblon, no quarteirão dos fast-foods descolex da Zona Sul, no lugar do extinto Keb. Abriu oficialmente na semana passada, e já tá a mil, lotado. Mas olha só o babado: o yakisoba de camarão leva pimentão vermelho, cebola roxa, broto de feijão e pimenta dedo de moça (R$16), o de salmão tem shiitake, nirá, gengibre, tempura e molho teriaki (R$ 18), a entradinha é chips de baroa, mas com um toque de curry. Tudo assim… especial. Especialíssimo.

O SOBA fica Avenida Ataulfo de Paiva 1174, Leblon.